NOTÍCIA

Castanheira pode zerar números da COVID

DATA: Quarta-feira, 15/09/2021 16:00
FONTE: Assessoria

Castanheira pode zerar nos próximos dias – quem sabe horas – os índices da COVID 19. Boletim Epidemiológico divulgado na tarde desta quarta-feira, 15, pela Secretaria Municipal de Saúde, indica apenas um caso ativo no município e outro em monitoramento.

O resultado, coroa os esforços de uma equipe, que trabalhou incansavelmente, desde os primeiros casos, em 2020, até o momento, muitas vezes em situações limites, pois entre seus integrantes houve casos de contágios e perdas significativas.

Como são muitos os exemplos, basta lembrarmos o drama da responsável pelo setor de imunização, enfermeira Ana Paula Licheski, que perdeu a mãe, Lenira Licheski e acompanhou o sofrimento do pai, Ivan Justino, que por mais de 40 dias permaneceu numa UTI, em Juína, entre a vida e a morte. A Secretária, Ivania Tigre, perdeu um dos tios, Henrique Sobrinho, o Tiricão. Outros sofreram o impacto do vírus, em si mesmos e entre queridos.

O ideal de salvar vidas, contudo, manteve-se como foco permanente, mesmo que o trabalho de enfrentamento tenha sido realizado, muitas vezes, com lágrimas nos olhos e aperto no coração.

“Em vários momentos estivemos no limite de nossas forças e fomos muito além das obrigações normais de nossa área de atuação, por entendermos que a vida é uma grande dádiva e devemos lutar por ela”, destaca uma funcionária da Saúde, que prefere o anonimato.

O governo municipal, da gestão anterior, da ex prefeita Mabel de Fátima Milanezi, a atual, com Jakson de Oliveira Rios Júnior, o Juninho, ex chefe de gabinete, colocou Castanheira, desde os primeiros momentos, entre os municípios que mais tomaram iniciativas de enfrentamento.

Compra e produção de material de uso contínuo,  reciclagem da equipe, criação de um setor específico para atendimento a pacientes no Pronto Atendimento, disponibilização de um espaço de hospedagem para os residentes na zona rural, apoio as várias iniciativas do setor de imunização, muitas das quais com a marca da criatividade, para atenuar o impacto negativo de um vírus letal no cotidiano das pessoas, fazem parte da grande lista do que foi realizado.

Segundo a Secretária Ivânia, registrar que o município zerou as estatísticas nos próximos dias ou horas, será motivo de celebração, contudo, os cuidados continuam e todos estão preparados para quaisquer cenários, de alegria ou dor, pois todos cresceram com a dinâmica inesperada que a Covid 19 estabeleceu, nos últimos meses.

Embora devamos respeitar todos os credos, mesmo dos que não os tem, quem sabe o momento não seja de confirmação de um conhecido registro bíblico que diz: “O choro vem a noite, mas a alegria vem pela manhã”? Que assim seja!


MAIS NOTÍCIAS